Amor a Dança · Aulas · Modalidades

A História do Sapateado.

Oi oi meus amores! ❤
Hoje vamos falar um pouquinho do Sapateado.
Vamos conferir? 🙂

 

O Sapateado é um estilo de dança, originalmente irlandesa, na qual os dançarinos produzem sons sincopados, ritmados com os pés.

portalumuarama_noticia_25082011_121623_0001

Sem registros históricos que possam precisar datas e locais, sabe-se muito pouco a respeito das origens do sapateado: algumas das suas primeiras manifestações datam de meados doséculo V. Posteriormente, desenvolveu-se a partir do período da primeira Revolução Industrial. Os operários costumavam usar tamancos (clogs) para isolar a umidade que subia do solo e, nos períodos livres, reuniam-se nas ruas para exibir sua arte: quem fizesse o maior e mais variado número de sons com os pés, de forma mais original, seria o vencedor. Por volta de 1800, os sapatos foram adaptados especialmente para esta dança. Os calçados eram mais flexíveis, feitos de alumínio, e moedas eram fixadas à sola, para que o som fosse mais limpo. Mais tarde, finas placas de pedra (taps) passaram a ser fixadas no lugar das moedas, o que aumentou ainda mais a qualidade do som.

Nos EUA desenvolveu-se o chamado Sapateado Americano, introduzido no país por volta da primeira metade do século 19, na fusão que uniu ritmos e danças dos escravos, que já possuíam um estilo de dança próprio baseado nos sons corporais, com os estilos de sapateado praticados pelos imigrantes irlandeses e colonizadores ingleses.

FOFAS ❤ ❤ ❤

A forma Irlandesa do sapateado – também chamada de Irish Tap Dance – concentra-se nos pés, o tronco permanece rígido; já os americanos realizam sua Tap Dance esbanjando ritmos sincopados e movimentos com o corpo todo, abrindo a dança para o estilo próprio de cada executor. O sapateado americano acrescentou à forma irlandesa da dança toda a riqueza musical e de movimentos dos ritmos dançados pelos africanos e com isso criou uma modalidade de dança ímpar e que se espalharia, posteriormente, por todo o território dos EUA e, durante o século XX, diversos outros países.

 

Sapateado_JPress

A partir da década de 30 o sapateado ganhou força e popularidade com os grandes musicais, que contavam com a participação de nomes como Fred Astaire, Gene Kelly, Ginger Rogers,Vera-Ellen e Eleanor Powell.

 

Depois de um período de declínio do final da década de 50 ao inicio dos anos 70, nomes como Gregory Hines e, em especial, Brenda Bufalino (diretora da American Tap Dance Foundation) revitalizaram o sapateado americano, impulsionando toda uma nova geração, de onde surgiram nomes como o do grande astro Savion Glover.
Profissionais de sapateado americano realizam periodicamente workshops e shows internacionais, levando a arte do sapateado para diversos países: além da Irlanda e Estados Unidos, países como França, Austrália, Alemanha, Espanha, Israel e Brasil possuem grupos, coreógrafos e estúdios de sapateado de expressão. O Brasil, em particular, recebe anualmente diversos profissionais americanos como forma de intercâmbio entre os grandes mestres da tap dance e os diversos núcleos de sapateado existentes por todo o território nacional.

sapateado (1)

Alguns nomes que fizeram história no sapateado!

BILL “BOJANGLES”
BRENDA BUFALINO
CHARLES “HONI” COLES
EDDIE RECTOR
ELEANOR POWELL
FRED ASTAIRE
GENNE KELLY
GREGORY OLIVER HINES
HAL LEROY
JIMMY SLIDE
JOHN BUBBLES
SAVION GLOVER

Ficou com vontade de sapatear pela casa? Abaixo alguns nomes de passos para você começar a se interagir com a modalidade.

STEP – bater a chapinha da frente com peso (andar, passo)
TAP – bater a chapinha da frente sem peso
DIG – bater o calcanhar na frente
STOMP – bater o pé inteiro no chão sem peso (bate e tira o pé do chão)
STAMP – bater o pé inteiro no chão com peso (bate e fica o pé no chão)
HEEL – bater o calcanhar
TOE – bater a ponta do sapato
BRUSH FROM – arrastar a chapinha da frente para frente, como uma escovada.
BRUSH BACK – arrastar a chapinha da frente para trás, como uma escovada
SPANK – um brush para trás
SHUFFLE – combinação de brush from com brush back
SCUFF – arrastar o calcanhar no chão para frente
SCUFFLE – arrastar o calcanhar no chão e puxar um brush back
HOP – saltar com uma perna só sem trocar de peso
LEAP – saltar na meia ponta, de um pé para o outro, transferindo o peso
BALL CHANGE – contratempo de dois steps
FLAP – junção de brush com step
CLAP – bater palmas

sapateado1

Gostaram? Agora se você não faz sapateado vá correndo se matricular porque é uma modalidade incrível! ❤
Espero que tenham gostado. 🙂

Um big beijo e até a próxima!
cropped-untitled-4.png

referências:
wikipedia
mundobailarinistico
trinicky.tripod
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s